Novelo

José é casado com Maria.
José ama Maria e gostava de materializar o seu Amor mais vezes para além dos sábados a partir das 23.45.
Maria ama José e acha que isso chega. Sente-se cansada.
José contrata D. Júlia para fazer as tarefas de casa.
Maria liberta-se dos afazeres domésticos mas não do cansaço.
José sente-se cansado da canseira de Maria.
José conhece Alberta que ouve atentamente as frustrações de José disposta a deixá-lo desanuviar-se.
José desanuvia em Alberta.
Maria sente José distante.
José desanuvia em Alberta até fartar a frustração.
Maria começa a deixar de ficar cansada a ver se entende o alheamento de José.
Alberta afasta-se de José porque conhece António.
José conhece Manuela que era amiga de Alberta e está disposta a confortar José.
José conforta-se em Manuela.
José sente-se tão confortado por Manuela que pouco se lembra de Maria.
Maria conhece Joaquim.
Joaquim dá atenção a Maria.
José não só se conforta em Manuela, como ainda se reconforta.
Maria sente-se mulher outra vez com Joaquim.
Joaquim quer ver se se sente homem com Maria.
Joaquim é homem!
Maria conversa com José sobre o nada que é aquele casamento.
Maria divorcia-se de José e fica com Joaquim.
José vai morar sozinho, leva D. Júlia para manter a casa e respinga o seu amor em Manuela, duas primas desta, uma antiga colega de turma, a porteira e Alberta (que por vezes aparece a ver se José está necessitado de desanuviar alguma frustraçãozita).
Maria é feliz com Joaquim.

José já não é casado com Maria mas (também) ainda a ama.
Maria começa a dizer a Joaquim que se sente cansada…
.
(Este é um enredo completamente ficcional - e reforço o COMPLETAMENTE e o FICCIONAL - pelo que qualquer semelhança com a realidade é uma coincidência tão infeliz como a ideia que Eu tive de o escrever)

24 Comments:

Anonymous HM contribuiu com estas palavras sábias:

Boa campanha essa!
Só falta acrescentar:

-Preservativo impõe-se!

(olha que o cordão EUbilical ainda não foi cortado...;))

E andava eu aqui às voltas com uma meada, carago, já podias ter dito a quem recorrer para fazer o novelo.

Bjs de eu

HM

setembro 21, 2007 6:26 da tarde  
Blogger Vanessa Lourenço contribuiu com estas palavras sábias:

é o que se chama andar à roda...lol...Maria há-de se sentir sempre cansada e seja com o José ou com o Joaquim, ou mesmo, quiçá, Johnny Depp, estará infinitamente cansada. Conclusão? vitaminas? masturbação? masturbação mental? parvoíce congenita?não ligai jovem , e setxa e é a minha fase critica de parvoice congenita. o.O
Um beijo muito muito parvo.*

setembro 21, 2007 7:36 da tarde  
Blogger Amsilva contribuiu com estas palavras sábias:

mais do que um ciclo vicioso, em que o vicio é o cansaço (tambem desigando como dor de cabeça)
nos inicios tudo bem é só fogo, ou paixão como queiram chamar, depois vem a indisposição, o desinteresse e a procura de algo como trabalho extra
enfim é a vida de muita gente

setembro 21, 2007 10:42 da tarde  
Blogger Rafeiro Perfumado contribuiu com estas palavras sábias:

A Maria é uma chata...

setembro 23, 2007 9:36 da tarde  
Blogger Gata Verde contribuiu com estas palavras sábias:

Já pensaste escrever uma novela tipo mexicana?
;)

setembro 23, 2007 9:39 da tarde  
Blogger HM contribuiu com estas palavras sábias:

Eu continuando para EU:

Fnalmente Maria percebeu o novelo das coisas e o cansaço cstumeiro.
Maria compreendeu que o problema se centrava numa questão simples: sexo!
Maria entendeu que tinha de ser jogadora.
Maria concluiu que sexo é como um jogo de cartas: mais vale uma boa mão do que um mau parceiro!!

José precisa de ter esse mulherio todo. Tem de provar a si mesmo que ainda é exímio a jogar à bisca!!
;))

Bjs

HM

setembro 24, 2007 12:59 da manhã  
Blogger Mac Adriano contribuiu com estas palavras sábias:

Pode ser ficção, mas é da boa.

setembro 24, 2007 7:55 da tarde  
Blogger hora tardia contribuiu com estas palavras sábias:

ficção?



jura-me!


:)

_____________

escrita. "bué" de bem esgalhada.


beijoooooooooooooooooooSSSS.

setembro 25, 2007 8:44 da tarde  
Blogger Fallen Angel contribuiu com estas palavras sábias:

Agora entendo o que suportou o pobre José daquela Maria .. e o Joaquim era o Espirito Santo, não era? E nada me tira da cabeça que a Alberta era a vaca!

Um abraço muito mEU . ;-)

setembro 26, 2007 10:27 da manhã  
Blogger Boop' contribuiu com estas palavras sábias:

Que desalento...

setembro 26, 2007 12:30 da tarde  
Blogger Nanny contribuiu com estas palavras sábias:

Podias ter escrito mais umas linhas e chamavas-lhe Novela, em vez de Novelo... assim ainda te enrolas... nele...

:P

setembro 26, 2007 10:36 da tarde  
Blogger Marisa contribuiu com estas palavras sábias:

Era bom que isso fosse só e apenas ficção!
Um enredo bem real, que penso que só começará a mudar quando as pessoas aprenderem que é necessário trabalhar uma relação e não se desleixarem um dos outros.

setembro 27, 2007 9:16 da tarde  
Blogger Lídia Amorim contribuiu com estas palavras sábias:

:P jokas*

setembro 28, 2007 1:21 da tarde  
Blogger isabel mendes ferreira contribuiu com estas palavras sábias:

hello?!!!!

________________.



:)

setembro 30, 2007 11:14 da manhã  
Anonymous HM contribuiu com estas palavras sábias:

????

Novelaste-te nos "yç4zl9"?!?!?!

:((

Bjinho

HM

outubro 02, 2007 8:55 da manhã  
Blogger Vanadis contribuiu com estas palavras sábias:

Bem, bem, finalmente percebi quem é o Eu cuja citação roubei descaradamente ao rafeiro, postando-a nas minhas frases preferidas do momento...era qq coisa que metia ranho?...sim, sim, já andei a ler o livro do rafeiro-agora-já-sei-porque-é-perfumado.

E pronto, eu já sabia que devia mas era ter estado quieta. Agora tenho mais um canto a visitar. :-p

Quanto ao novelo, ou novela, não sei porquê, mas já vi isso em qualquer lado...

Ó rafeiro, o José é que é um ganda chato... :-p

outubro 02, 2007 6:48 da tarde  
Blogger [A] contribuiu com estas palavras sábias:

à minha espera, certo?
podes voltar.

outubro 02, 2007 11:38 da tarde  
Blogger Teté contribuiu com estas palavras sábias:

Excelente texto!

Mas também me parece que já vi isso em algum lado... Ups, parece que estou a copiar alguém... Perdoa-me, Vanadis!

O que é chato é um casamento em que andam ambos cansados, cada um a desanuviar para o seu lado!

outubro 03, 2007 12:28 da manhã  
Blogger Vanadis contribuiu com estas palavras sábias:

Naum faz mali tete, tu podes copiar-me no que quiseres =)

ò menino, Eu, tá á espera do quê para nos dar a dose diária???? :)

outubro 03, 2007 7:54 da tarde  
Blogger Dinada contribuiu com estas palavras sábias:

Tu, digo Eu, não bates bem da mona...e isso é giro!

Pronto. Era só. Bai Bai, ciu laiter áligaiter.

(nem perguntes)

outubro 05, 2007 5:55 da tarde  
Blogger isabel mendes ferreira contribuiu com estas palavras sábias:

está tudo bem?


nas coincidências?


:)



beijo.

outubro 07, 2007 4:45 da tarde  
Blogger Nanny contribuiu com estas palavras sábias:

Parece que este Eu está mais desaparecido que eu... sei lá!

:P

outubro 07, 2007 11:35 da tarde  
Blogger [A] contribuiu com estas palavras sábias:

(o novelo está emaranhado?)

outubro 08, 2007 9:08 da manhã  
Blogger Olá!! contribuiu com estas palavras sábias:

Este post devia ter sido feito depois do posterior, tás a ver????
Coitadinhos... eles que coitem muito que isso passa ;)))
Até fiquei zonza... apre

dezembro 18, 2007 7:36 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home