Espírito espantado

Sinto que está a nascer uma forte aversão dentro mim. E, como quem terá aversões dentro de si saberá bem, não é nada agradável essa sensação. Desta vez tal sentimento de repulsa foi semeado por um som. Ou melhor, por um conjunto atabalhoado de sons. Explicando…

Estão a ver uns penduricalhos temáticos que se costuma colocar por cima das portas? Há-os com vários inspirações (menos de inspiração cristã, que Eu nunca vi nenhum com crucifixos…olha, boa dica para os criativos do Vaticano…de nada!).

Já me apareceram com conchinhas, pedrinhas, tubinhos, passarinhos, etc e talinho. Convencionou-se chamar aquilo “espanta espíritos”. E o mEu fica espantado, não há dúvida. Principalmente quando tento passar a noite a dormir e o vento resolve respirar com mais força. Um dos meus vizinhos (que por sorte de ambos, só o é ocasionalmente e quando Eu defino essa ocasião) tem uma…como é que hei-de dizer… porcaria daquelas na porta que dá para a janela do meu quarto. E do lado de fora. Ora, quando a noite se abana, nem que seja com uma brisa mais leve que o peso do ar, aquele molho de coisas barulhentas faz questão de me lembrar os tímpanos que está ali. Mais que o espírito, aquilo espanta-me o sono. E não só espanta, como por vezes o escorraça.

O epíteto de “espanta espíritos” até tem alguma lógica, sim senhores. Pelo menos Eu fico de espírito assarapantado de pensar como é que alguém consegue conviver com aquele desarranjo nos intestinos do som por vontade própria, e na doçura do seu próprio lar. Por mim, abria já a caça ao “espanta espíritos” e valia tudo. Até arrancar-lhe o pingarelho principal.

22 Comments:

Blogger Nanny contribuiu com estas palavras sábias:

:P

Posso emprestar-te uma pressão de ar... e fazes pontaria ao cordelinho... hihihi

Agora, espanta-te se não acertares!

Pode sempre ocorrer que o vizinho venha a correr acorrendo ao som... e lhe acertes a ele... era lindo ver o espanto dele!

:DDDD

Vá... encosta a cabecinha no meu ombro... e dorme

Beijinhos silenciosos

setembro 04, 2007 6:14 da tarde  
Blogger [A] contribuiu com estas palavras sábias:

:)assim sim! tlim tlim

setembro 05, 2007 11:16 da manhã  
Blogger Inha contribuiu com estas palavras sábias:

Uma fisga também funciona. Experimenta enganar-te e acertar no teu vizinho. Vê é o tamanho dele primeiro... LOL


*

setembro 05, 2007 5:13 da tarde  
Blogger Vanessa Lourenço contribuiu com estas palavras sábias:

Epah, não queria ser inconveniente, mas se te chateias por causa de um espanta espíritos, se calhar era altura de ires para algum retiro espiritual ou assim.
Hahahahah, estou assim meio a gozar. Acho piada aos meus, estão os dois na porta da rua, só fazem barulho quando alguém faz o favor de abrir a mesma.
Achoq ue a culpa é mesmo do vento, o.O...um beijo silencioso para não te perturbar.*

setembro 05, 2007 5:26 da tarde  
Blogger HM contribuiu com estas palavras sábias:

Penduricalhos temáticos só mesmo na árvore de natal!
Há quanto tempo existem Eu?
Partindo do pressuposto que já há muito, concluo que tens andado com insónias.....
Não te aconselho contares carneirinhos, mas se falares com o vento vais ver como irá moderar a respiração.

Sugestão: em vez de "porcaria" sempre poderás utilizar "merdunca", é mais incisivo... ;))

Bj

HM, em bicos de pés.

setembro 06, 2007 9:03 da manhã  
Blogger damularussa contribuiu com estas palavras sábias:

Tlimm...tlimmm...tlimmm (deve ser este o meu vizinho das insónias..rs)

Experimenta comprar um daqueles bem grandes, coloca-lhe uma ventoinha por perto e retribui-lhe a musica (hihhi)se não houver vento, coloca-o junto a uma ventoinha .

Cumprimentos

setembro 06, 2007 10:30 da manhã  
Blogger damularussa contribuiu com estas palavras sábias:

O melhor é mesmo duas ventoinhas (hihihih) pelos vistos (raios..)

;)

setembro 06, 2007 10:32 da manhã  
Blogger Rafeiro Perfumado contribuiu com estas palavras sábias:

Cá para mim és mas é alguma alma penada, que se sente a ser escorraçada com aquilo! Reparaste se o teu vizinho se benze quando passa por ti?

setembro 06, 2007 11:11 da tarde  
Anonymous Anónimo contribuiu com estas palavras sábias:

Oh Raf? alma penada o Eu? Achas mesmo?

lol

bjs**

(e agora vou ser má!!! como me esta a saber bem este feriadito...)

just_me

setembro 07, 2007 9:55 da manhã  
Blogger FLIP FLOP & FLY contribuiu com estas palavras sábias:

Please allow me to introduce myself I´m a man of wealth and taste I´ve been around for a long, long year Stole many men soul and faith And I was round when jesus christ Had his moment of doubt and pain Made damn sure that pilate Washed his hands and sealed his fate
I´m pleased to meet you
Hope you guess my name

setembro 07, 2007 11:07 da manhã  
Blogger Amsilva contribuiu com estas palavras sábias:

espanta espiritos?? tenho mais a impressão que isso não espanta nada a não ser o merecido descanso, eu tenho uma "coisa" dessas, mas á indio, de penas, afinal os espiritos não têm orelhas e os de penas alem de mais bonitos são silenciosos, se não der para meter abaixo com a pressão de ar que já foi oferecida tente mesmo com pedras, até paralelos servem, mas pare antes do vizinho meter a cabeça de fora...

setembro 09, 2007 10:34 da manhã  
Blogger Grey Moon Wolf contribuiu com estas palavras sábias:

O mais engraçado é que os tais "espanta espiritos" foram criados para os "apanhar" no corropio que criam quando o vento passa (em conjunto com o espirito) ou seja, quem quer espantar, só espanta os humanos, pois os outros ficam todos enroladinhos nas conchas e fios de naylon, crochet e outras tretas.....

setembro 10, 2007 12:27 da tarde  
Blogger Boop' contribuiu com estas palavras sábias:

Eh eh
Os sons metalicos irritam mesmo!
Nós usamos um na casa do algarve, pendurado nas figueiras para os passaros não irem comer os figos... e resulta!!!!

Mas olha lá... há um som que não me é assim tão desagradável... o dos "ditos" de cana...

Estive uns tempos sem net... voltei!

setembro 11, 2007 11:34 da manhã  
Blogger Just Me... contribuiu com estas palavras sábias:

Tlim tlim tlim.... (espreitando...)

:-))

setembro 11, 2007 9:45 da tarde  
Blogger Ausente contribuiu com estas palavras sábias:

"Pingarelho principal"... tanta casa desabonada por este Portugal fora... Depois admiram-se que as pessoa andem com um olhar triste...

setembro 13, 2007 3:47 da tarde  
Anonymous Anónimo contribuiu com estas palavras sábias:

"espantadamente" aqui.

a ler.Te.


depois de reler o prefácio.(...) perfumado.


beijo Amigo de A.

y.

setembro 14, 2007 7:38 da tarde  
Blogger Gata Verde contribuiu com estas palavras sábias:

Olha,EU gosto bastante,e tenho um com pauzinhos e penas!!!
Os meus vizinhos devem ter a mesma opinião.
Bjs...e tenta contar carneirinhos!

setembro 15, 2007 6:59 da tarde  
Blogger Moura ao Luar contribuiu com estas palavras sábias:

Por acaso nunca me deu para ter uma coisa dessas, e os meus vizinhos tb são pessoas de bom sendo. Bejos

setembro 15, 2007 9:00 da tarde  
Blogger hora tardia contribuiu com estas palavras sábias:

e

beijo.


A.




de

B.

setembro 17, 2007 9:04 da manhã  
Blogger Just Me... contribuiu com estas palavras sábias:

(espreitando...)

Pst, est�s ai?

lol

bjs**

setembro 18, 2007 10:19 da manhã  
Blogger [A] contribuiu com estas palavras sábias:

espantaram-te?

setembro 19, 2007 3:32 da tarde  
Blogger Vanadis contribuiu com estas palavras sábias:

LOLOL, pois a minzinha não incomodam nada esses espanta espíritos, por acaso até tenho 3, dentro de casa...mas como aquilo para mim é mais silencioso que o próprio silêncio, eh páh, o barulho que se dane (Eu - o Eu meu, não o Eu teu- posso dar-me ao luxo de dizer estas cenas, hehehehe).
De qq forma, com a quantidade de mediuns e melindas que eu devoro por dia, um espanta-espiritos dá assim um quê de segurança, hehe.
Se quiseres, empresto-te os meus ouvidos, vais ver que com eles dormes que nem um anjinho (quer dizer, algumas vezes)...LOL!
Ah, avó HM, andas por aqui, hem? Volto a repetir, que me parto a rir com os teus comentários...
Olhó Rafeirito e a Gata, também por aqui, hem??
Que queres, Eu, tens mais uma adepta de leitura (pois, li o tal aviso e mesmo assim por alto percebi que a minha saúde ficaria melhormente salvaguardada se me metesse a dar ao dedo, de preferencia a preto e branco). A culpa não é do macaco, é do rafeiro!

outubro 02, 2007 7:07 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home